PT vai ao Supremo Tribunal Federal para anular privatização da Casal

Fonte: É Assim.Net

Data: 30/09/2020

Em meio a polêmica da privatização da Casal, o Partido dos Trabalhadores (PT) decidiu ir à corte suprema arguir a inconstitucionalidade do leilão da empresa alagoana de abastecimento de água e saneamento básico.

A Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) 80494/2020, protocolada no Supremo Tribunal Federal (STF) pelo diretório nacional do PT, é fruto de uma solicitação ao partido do deputado federal Paulão (PT-AL).

O deputado declarou que conversou com a presidente do PT, deputada Gleisi Hoffmann, para que o partido patrocinasse a ação, “uma vez que fui procurado pela direção do Sindicato dos Urbanitários que me fez um apelo neste sentido. Tenho compromissos com os trabalhadores e, portanto, não poderia virar as costas ao funcionários da Casal, nem a direção do Sindicato”.

O deputado destacou ainda que a privatização da água no País é uma afronta contra os direitos dos cidadãos, principalmente dos mais humildes, pois, segundo ele, serão este que vão pagar a conta salgada do processo de privatização.

Disse o deputado que privatizar a água é atender a interesses de investidores de mercado, os quais não têm compromisso social com as necessidades básicas da população, “mas apenas com o lucro que visam a cada investimento que fazem”.

Paulão disse que o PT nacional espera que o STF reverta essa questão em Alagoas e garanta os empregos dos servidores da Casal e o direito de cada pessoa ter acesso ao abastecimento de água e ao saneamento.