Paulão: compromisso do governador assumido com Sinteal é vitória importante para categoria

Fonte: eassim.net

Data: 26/05/2021

O governo de Alagoas vai encaminhar um projeto de lei à Assembleia Legislativa colocando um fim na cobrança de 14% do desconto previdenciário dos aposentados da educação.

O compromisso foi firmado durante reunião no Palácio República dos Palmares, com o deputado federal Paulão (PT) e dirigentes do  Sinteal. O projeto deve ser encaminhado até o fim de junho.

“Esse foi um grande dia para todos os trabalhadores da educação, pois além o desconto previdenciário, o governador abriu as portas do Palácio para o debate em torno do Plano de Cargos e Carreiras dos professores alagoanos, demanda defendida pelo Sinteal. Nós fomos chamados para esta luta que é justa e estaremos firmes nela em defesa dos trabalhadores da educação”, disse o deputado.

Mas, além disso, Paulão destacou como uma conquista importante a correção da tabela dos funcionários da educação, que possui um erro que gera prejuízo salarial, conforme apontou o Sinteal.

Disse o deputado que o governador concordou em elaborar proposta de alteração na lei dos funcionários para corrigir o erro.

O parlamentar ainda destacou que o  governador se comprometeu com a presidente do Sinteal, Consuelo Correia, e demais dirigentes da entidade em garantir recursos para a aquisição de notebook de até R$ 5 mil para professores e estudantes desenvolverem os planos de aulas.

“Nós saímos animados da reunião, por que o compromisso foi firmado nas presenças do Secretário de Educação, Rafael Brito, do Secretário do Gabinete Civil, Fábio Farias, e do presidente da Associação dos Municípios, Hugo Wanderley. E todos eles sinalizaram como aliados nas demandas dos trabalhadores da educação”, disse Paulão.

Para ele foi um encontro altamente produtivo e deve seguir em discussão sem estresse entre as partes, por que a linha mestra das decisões já foi definida pelo governador. “Nosso compromisso é estar ao lado para apoiar a luta do Sinteal e seus associados pela melhoria da qualidade de vida e profissional”, finalizou o deputado.