Paulão cobra da Braskem a imediata realocação do Portugal Ramalho em Maceió

Fonte: eassim.net

Data: 05/05/2021

Preocupado com a atenção básica aos pacientes da saúde mental no Hospital Portugal Ramalho, o deputado federal Paulão (PT) disse nesta terça-feira, 04, que é hora das instituições de governos e a Braskem resolverem de imediato o problema da relocação do hospital no entorno do bairro do Pinheiro.

Disse ele que a Braskem tem o dever legal e moral de colocar o hospital em funcionamento em uma área segura de Maceió, para não prejudicar ainda mais pacientes e familiares dos que dependem do tratamento.

Destacou o deputado que o Portugal Ramalho é hoje o único hospital de referência do alagoano, que atua integralmente com o seguimento da saúde mental. “As demais unidades hospitalares que funcionavam em Bebedouro fecharam e resta apenas esse hospital que também está nessa área vulnerável, devido a tragédia da mineração provocada pela Braskem”, reforçou.

Paulão declarou ainda que está fazendo gestões junto à Defensoria Pública da União (DPU), em Alagoas, para que encampe essa luta em defesa da unidade hospitalar e da saúde mental.

Ele lembrou que a inclusão das ações de saúde mental no contexto do Sistema Único de Saúde (SUS) contribuiu para a consolidação da Reforma Psiquiátrica Brasileira, bem como demandou a reorientação da prática das equipes de saúde da família junto aos usuários com necessidades do campo.

“Perder também esse hospital agora, aqui em Maceió, será mais uma tragédia e um desrespeito a quem precisa do atendimento hospitalar, até por que o Portugal Ramalho é um hospital que é praticamente uma extensão real do Sistema Único de Saúde. Isso não pode ser desprezado. Vamos encampar essa luta pela dignidade dos pacientes e seus familiares”, disse o parlamentar.